Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Forquetinha e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
BUSCA
Prefeitura Municipal de Forquetinha
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social WhatsApp
Serviços
Sobre o Município
Conheça nossa História

História

 
O Município de Forquetinha emancipado de Lajeado/RS, foi criado em 16 de abril de 1996 e oficialmente instalado em 1º de Janeiro de 2001, quando assumiram os primeiros administradores: Prefeito, Vice-Prefeito e 9 Vereadores.

Inserido no Vale do Taquari/RS, Forquetinha está distante 135 Km da capital gaúcha – Porto Alegre, formado por terras férteis, cortadas pelo arroio principal, que leva seu nome.

Com área equivalente a 93,57 Km² e população de 2.479 habitantes (censo demográfico IBGE 2010), 98% são descendentes de imigrantes alemães, maioria provenientes da região do Hunsrück, mas também de outras regiões da Alemanha e, algumas famílias de holandeses, que se adaptaram perfeitamente ao dialeto Hunsrück, falado até hoje pela população, caracterizada como bilíngüe.

Estes colonizadores pioneiros, além da agricultura diversificada, desenvolveram pequenas indústrias, quando então surgiram moinhos, olarias, marcenarias, carpintarias, ferrarias, laticínios, funilarias, alfaiatarias, cervejarias e outras destilarias, açougues, selarias e outros.

Naquela época foram se estruturando e, ainda hoje preservam hábitos e costumes de seus antepassados, onde encontramos muitas construções antigas marcadas pela técnica enxaimel, “Fachwerk”, características das construções germânicas e também cultivando as manifestações culturais, como o canto, jogos, danças entre outros.

Município basicamente formado por pequenas propriedades rurais. Possui atualmente suas atividades econômicas alicerçadas na agropecuária, com destaque à suinocultura, avicultura, produção leiteira, cultivo do milho e fumo. No setor secundário se destacam as indústrias de confecções do vestuário. O seu comércio é variado, atendendo perfeitamente as necessidades de sua população.

Com povo hospitaleiro, lindas paisagens, rica cultura herdada, preservada e valorizada, Forquetinha tem todos os ingredientes para desenvolver o turismo em seus vários campos de atuação. Em uma área de 14,5 ha está instalado o Parque de Exposições e Eventos Christoph Bauer, onde são realizadas as festividades do município.


 

Brasão

 

O Brasão de Armas e a Bandeira do Município de Forquetinha foram aprovados pela Lei Nº 047 de 15 de junho de 2001, que identifica o passado histórico do município, o momento presente e projeta Forquetinha para um futuro promissor.
COROA: a coroa tem a cor dourada, representando a riqueza, os valores morais e o poder. O poder e a organização do município estão representados em cada uma das três janelinhas da coroa: Legislativo, Executivo e Judiciário.


BRASÃO: está dividido em três partes que simbolizam o passado, o presente e o futuro do município.
Identificando o passado (acima e à esquerda): temos retratado o início da colonização no município, representada pelo grupo familiar (homem, mulher e criança), pelo trabalho (cultivo da terra e instrumentos de trabalho) e pela colheita (cesta com produtos cultivados), identificando os valores maiores destes colonizadores que imigraram a este país, motivados pela crença num futuro mais promissor.

Identificando a cultura, a fé religiosa e o momento presente (acima à direita): identificados na arquitetura típica “enxaimel”, que marcaram as construções daquela época e que podem ser encontradas ainda hoje. Atrás da casa de moradia, encontramos a igreja representando a fé religiosa, característica marcante desta comunidade, tendo ao fundo a paisagem que compõe o patrimônio natural ainda preservado.

Identificando o futuro (abaixo, no centro): paisagem cortada pelo Arroio Forquetinha, com suas águas cristalinas que lembram o rio Reno, Mosela e Nahe, da região de origem dos imigrantes alemães. Contornando o Arroio Forquetinha, de ambos os lados, estão representadas as belas paisagens verdejantes, marcadas pelas atividades agropecuárias desenvolvidas, constituindo uma das maiores riquezas do município. Sobre as três fases bem definidas encontramos o símbolo do comércio (à esquerda) e o símbolo da indústria (à direita), que somados a história, a cultura e ao patrimônio natural existente, constituem o futuro, o desenvolvimento de Forquetinha, encontrando também no turismo rural uma forte vocação, onde serão utilizados todos estes recursos existentes, na criação de novas alternativas de renda e empregos à comunidade local, promovendo o crescimento do município.

FAIXA: A faixa é na cor azul com inscrições em branco, tendo no lado esquerdo a data de criação do Município de Forquetinha – 16/04/1996 e, do lado direito a data da instalação oficial – 1º/01/2001, ocasião em que tomaram posse o primeiro Prefeito eleito, Secretários Municipais e nove Vereadores, tendo ao centro da faixa, a inscrição do nome do município.

CORES: O Brasão está constituído com o predomínio das cores dourado, verde, azul e branco.
- Dourado: simboliza a riqueza, os valores morais e o poder.
- Verde: simboliza a esperança, a natureza e a utilização racional de seus recursos.
- Azul: simboliza a serenidade, o azul do céu e das águas de nossos arroios que queremos limpos e preservados.
- Branco: simboliza a paz, a pureza.

 
Bandeira


A Bandeira Municipal de Forquetinha foi elaborada nas dimensões oficiais, constituída nas cores vermelho, amarelo, verde e azul. Cortada por duas diagonais que se cruzam formando quatro triângulos, onde cada triângulo possui uma das cores acima mencionadas, distribuídas na seguinte ordem: na base da bandeira a cor amarela, na lateral esquerda a cor vermelha, na parte de cima a cor azul e na lateral direita a cor verde. Sobreposto às linhas que formam o ápice dos triângulos, ao centro da bandeira, está localizado o Brasão do município, tendo como cor de fundo o branco.

A Bandeira do Município, constituída nas cores vermelho, azul, verde e amarelo, onde as cores verde, amarela e azul representam as cores da Bandeira do Brasil, as cores verde, amarela e vermelho representam as cores da Bandeira do Rio Grande do Sul e representando a Bandeira da Alemanha as cores preto (inserido no brasão do município), vermelho e amarelo, em uma homenagem a nossa Pátria – Brasil, ao nosso Estado – Rio Grande do Sul e à Alemanha – Pátria Mãe de nossos antepassados, que trouxeram em sua bagagem a cultura e tradições até hoje cultivadas por seus descendentes teuto-brasileiros.

CORES :
Vermelho: simboliza a coragem, a persistência, o trabalho e a fé. 
Amarelo: simboliza a riqueza, o ouro, o desenvolvimento.
Verde: simboliza a esperança, a força de vontade, a natureza.
Azul: simboliza a serenidade, o azul do céu e as águas de nossos arroios que queremos limpos e preservados.

 

Geral

Data de Criação: 16/04/1996

Instalação Oficial: 1º/01/2001

População: 2.479 habitantes (Fonte IBGE – Censo Demográfico 2010) 2.528 habitantes (População Estimada em 2015/Fonte IBGE)

Área total: 93,57 km²

Acessos: BR 386 e RST 421

Localização: Encosta Inferior do Nordeste do Estado do RS, no Vale do Taquari

Distâncias : Sede até a BR 386: 8 Km - Lajeado: 18 Km - Porto Alegre: 135 Km

Galerias de Fotos Vinculadas
07/02/2024
História
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia